Um painel sujo, dependendo da quantidade sujeira, produzirá até 30% menos do que um painel limpo

No dia recorde de produção de energia solar em Minas Gerais, Brasil, nossa equipe estava fazendo uma entrega técnica, realizando uma limpeza solar de um sistema de 49 kw.



Foto divulgação : limpezasolar.com


A saída (kw) dos três inversores foi monitorada durante a limpeza.


Antes do início da limpeza, os três inversores estavam todos lendo em torno de 2kw.


Após a limpeza dos módulos pv conectados aos dois primeiros inversores, fizemos leituras de 3,6kw dos painéis limpos e 2,9kw dos painéis sujos.


Em seguida, concluímos a limpeza dos painéis conectados ao inversor com a saída kw mais baixa e, em seguida, fizemos leituras de todos os três inversores, todos em torno de 4,1 kw (o sol estando mais alto no céu, aumentando a saída em 0,5 kw).


Isso mostra um aumento de mais de 20% imediatamente após a limpeza!



Os painéis solares instalados no seu telhado ficam sujos principalmente por causa da poeira e da poluição.


Em cidades grandes centros urbanos, onde a poluição é significativa, os seus painéis podem ficar sujos em menos de 1 ano.


A sujeira causada por pássaros é rara a não ser que você tenha muitas pombas e passarinhos por perto.


Mas caso tenha muito “cocô-de-passarinho” depositado sobre as placas fotovoltaicas, a produção de energia solar de seu sistema pode sim ser impactada.


Foto: divulgação limpezasolar.com


Poluição, poeira, folhas e até mesmo “cocô-de-passarinho” contribuem para impedir que a luz do sol chegue até as células fotovoltaicas em seus painéis solares.


O quão mais sujo, menos energia a placa fotovoltaica vai produzir. Diversos fatores afetam a produção de energia dos painéis solares, mas a sujeira pode ser um dos principais e também o mais fácil de corrigir.


Especialistas concordam que painéis solares sujos não produzem tanta energia quanto painéis limpos.


Essa perda pode chegar até 25% em algums casos, de acordo com o laboratório Nacional de Energias Renováveis dos Estados Unidos (NREL).


Empresas de energia solar relatam perdas de até 30% para alguns clientes que nunca limparam os seus painéis (é claro que são casos extremos, em lugares onde quase nunca chove).


Foto: divulgação limpezasolar.com


Com qual frequência você deve fazer a manutenção nos painéis solares?

Acreditamos que a limpeza deve ser feita anualmente.


Em lugares onde não chove muito e tem muito poeira, de 6 em 6 mese. De uma forma simples, basta olhar para os seus painéis solares e verificar se eles estão muito sujos.


Caso sim, esta na hora de passar um pano molhado neles.À medida que os painéis ficam mais sujos, sua produção de energia diminui.


Uma pequena quantidade de sujeira, como por exemplo uma camada fina de poeira, poderá causar apenas uma pequena perda na produção de energia do painel fotovoltaico, chegando em até 5%.


Foto: divulgação limpezasolar.com


No entanto, quando os painéis solares ficam “encardidos”, como em uma casa perto de uma avenida grande, em uma área agrícola ou em um local que não recebe chuvas regulares, a perda de produção de energia solar fotovoltaica pode ser superior a 20%.


Normalmente, uma boa chuva pesada, deve limpar os seus painéis solares.

Segurança sempre em primeiro lugar!



Siga o procedimento para desligar o seu sistema fotovoltaico antes da manutenção.


A empresa que instalou é responsável por deixar um manual ou, no mínimo, te dar uma boa explicação de como proceder para desligar o sistema. Não se preocupe, é simples!.


Foto: divulgação limpezasolar.com


Por razões de segurança, se possível, é aconselhável que você não suba no telhado por conta própria para fazer a limpeza.


Uma escova macia de boa qualidade ou um rodo com uma lâmina de plástico em um lado e um pano amarrado, juntamente com uma longa extensão podem fazer deste equipamento a ferramenta perfeita.


Assim permitindo que você permaneça no chão e alcance o seu telhado. Use uma mangueira com um bico adequado para permitir que o jato de água chegue até os painéis.


Use este equipamento com cuidado! Sem aplicar pressão e sem bater ele nos seus painéis!


Foto: divulgação limpezasolar.com


IMPORTANTE: Se não for possível limpar os painéis do chão, não tente acessar o telhado, a menos que tenha o equipamento de segurança apropriado e o treinamento.


Limpe seus painéis solares em um dia nublado, no início da manhã ou à noite. Se o sol estiver forte, a água utilizada pode evaporar rapidamente dificultando a limpeza.


O amanhecer pode ser um momento particularmente bom para a manutenção: O orvalho durante a noite provavelmente terá “amolecido” a sujeira assim facilitando o processo de limpeza.


Desta forma você precisará usar menos água e menos energia para limpar seus painéis solares.


Foto: divulgação limpezasolar.com


Na maioria das vezes, uma chuva fará um excelente trabalho de limpeza dos painéis solares.


A maioria dos telhados no Brasil possue 15° ou mais de inclinação, facilitando que a água da chuva escorra sobre o painel e assim levando a poeira embora.


Manutenção Profissional


Além da limpeza dos módulos e a observação do inversor, recomenda-se que donos de sistemas fotovoltaicos procurem a empresa que realizou a instalação do fotovoltaico pelo menos uma vez por ano para realizar a manutenção mais profundas do sistema.


Primeiro passo do profissional habilitado é conferir no quadro elétrico se todos os componentes estão funcionando corretamente.


Foto: divulgação limpezasolar.com


Prestando atenção para possíveis sinais de queimaduras, cabos superaquecidos ou com folga. Conectores também devem estar firmes e vedados corretamente.


Se for possível, se certificar que os conectores dos painéis e a estrutura metálica estão bem colocados e não apresentam folgas.


Um profissional habilitado também pode, através de equipamentos especiais, observar a possível formação de pontos quentes nos módulos. Assim como checar o estado de todo o sistema elétrico que envolve o sistema.