top of page

Plataforma online indica atratividade de GD solar no Brasil

Desenvolvida pela consultoria Cela, serviço se baseia nas tarifas das diversas áreas de distribuição do País e se sincroniza com questões regulatórias.

A consultoria Cela - Clean Energy Latin America, especializada em assessoria financeira e consultoria estratégica do setor de energia renovável, lançou uma plataforma que mostra a atratividade financeira dos projetos de geração distribuída solar em telhados e usinas remotas no Brasil. A ferramenta será gratuita inicialmente, por tempo limitado.


Imagem: Divulgação


A plataforma incorporou sistema de inteligência de mercado, atualizado mensalmente, que se baseia nas tarifas publicadas para cada área de distribuição de energia do País.


Ao fazer a consulta, o usuário visualiza a atratividade financeira de projetos de GD em várias localidades e em diferentes modelos de negócios (autoconsumo, autoconsumo remoto, geração compartilhada).


Além disso, os dados levam em conta diferentes enquadramentos regulatórios, como direito adquirido ou pré lei 14.300/2022, regra de transição e regra definitiva ― pós marco legal.


O índice de atratividade leva em consideração critérios, como regulação, tanto para o modelo de negócios selecionado e tamanho do projeto, como em que regra da Lei 14.300 o projeto se enquadra (se GD I, II ou III).


Também contempla tarifas das distribuidoras para consumidor B3, fator de produção (considerando variações de projetos em telhados, estruturas fixas e trackers), operação e manutenção (O&M), o capex, os impostos sobre a energia e as isenções tributárias relacionadas a cada estado e cada modelo de negócios da GD.


Para gerar as informações, a plataforma também foi alimentada com o histórico de mais de dez anos do mercado de geração distribuída no Brasil e integra as mudanças regulatórias trazidas pela publicação do marco regulatório de 2022, que passou a vigorar com uma série de regras e cobranças tarifárias aos novos sistemas fotovoltaicos instalados.


Segundo a Cela, o serviço online é voltado para investidores em geração distribuída, fundos, empresas e instituições financeiras que investem ou pretendem investir na modalidade.


Também atenderá credores de GD, instituições financeiras que financiam projetos e organizações que desejam avaliar a viabilidade dos diferentes modelos de negócios da área. O acesso da plataforma é pelo link https://cela.com.br/entrar/.


Fonte: Fotovolt


Comments


bottom of page