top of page

Câmara de vereadores de Porto Alegre inaugura usina solar fotovoltaica

A miniusina de 492,68 kWp foi instalada no terraço da Câmara e é a segunda a entrar em operação no local.

A Câmara Municipal de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, concluiu a instalação de miniusina solar fotovoltaica de 492,68 kWp de potência instalada.


Imagem: Divulgação


Sob investimento de R$ 2,2 milhões, o sistema conta com 904 módulos solares fotovoltaicos e quatro inversores e foi implementado no terraço do Palácio Aloísio Filho, sede do legislativo municipal da capital gaúcha.


Com a instalação, mais de 70% da demanda do local será atendida por energia solar, já que desde 2018 funciona outra usina no estacionamento da Câmara, com 600 módulos de 330 W cada, potência total de 198 kWp e geração aproximada anual de 266,6 MWh.


Segundo comunicado, com a nova usina a economia estimada no primeiro ano de operação será de R$ 250 mil.


A usina instalada no estacionamento, que já gerava entre 20% e 30% da demanda, deve ser ampliada em 2024, quando serão realizados estudos de viabilidade.


A expectativa é que o novo investimento eleve a geração para até 90% do consumo da Câmara.


No local também deve ser instalado um carregador para carros elétricos e implantado um sistema de armazenamento de energia para cargas críticas.


Fonte: Fotovolt


bottom of page