top of page

Alexandre Silveira promete descarbonizar a Amazônia com energia solar

Em discurso em Portugal, ministro afirmou que serão investidos R$ 5 bilhões para substituir 180 sistemas isolados a diesel.

O ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira, afirmou no dia 26 de junho que vai lançar em julho um programa de descarbonização para a Amazônia com foco na energia solar fotovoltaica.


Imagem: Divulgação


A ideia é substituir 180 sistemas isolados da Amazônia Legal que hoje operam com geradores a diesel.


Em discurso pronunciado em evento em Lisboa, Portugal, o ministro disse que estão previstos investimentos de R$ 5 bilhões no programa, que também apoiará implantação de sistemas térmicos a biodiesel.


A iniciativa, segundo ele, é um dos pilares para tornar o País “protagonista da transição energética global”.


“Nós lançaremos o maior plano de descarbonização do planeta, fazendo uma transição da geração de energia exclusivamente a óleo diesel nos sistemas isolados da Amazônia para o sistema solar, garantindo a segurança energética”, afirmou.


Outra ação importante em julho para a meta de descarbonização da região, segundo o ministro, será o início das obras para interligar Roraima ao SIN - Sistema Interligado Nacional (SIN).


No mesmo mês, ainda será inaugurada a interligação de Parintins (AM) ao SIN, no qual mais de 80% da energia conectada é renovável.


Fonte: Fotovolt

Kommentare


bottom of page