A importância de limpar seus painéis fotovoltaicos

Você sabia que os módulos solares da sua usina de energia solar necessitam de limpeza para manter a eficiência e geração adequada de energia?


Imagem: Divulgação - www.limpezasolar.com


Se os módulos estiverem com sujeira acumulada, consequentemente você não terá a geração de energia esperada de acordo com o que foi projetado para sua instalação.

Quer um exemplo prático?


O vidro da sua janela de casa está com sujeira acumulada, então os raios solares iluminam sua casa da mesma forma de quando o vidro estava limpo?


Salientamos que para melhor captação de radiação e funcionamento do seu sistema de energia solar os módulos não podem estar com nenhum resíduo, sendo de extrema importância que a limpeza seja feita periodicamente, pois o impacto na geração da sua energia pode chegar até 30% de redução, o que, consequentemente impacta na economia mensal.


Imagem: Divulgação - www.limpezasolar.com


O numero de limpezas anuais varia de acordo com a quantidade de sujeira acumulada, entre 1 a 4 vezes ao ano.


Através do seu monitoramento é possível identificar a sua geração de energia e caso não estiver com a mesma geração que costumava estar, um dos fatores pode ser poeira acumulada.


Para realizar a lavagem você deve desligar o disjuntor do seu sistema fotovoltaico, utilizar água corrente, detergente neutro e esponja não abrasiva.


Salientamos que o uso de lava-jato e pisar nos módulos é proibido, pois pode danificar a estrutura e prejudicar a sua geração de energia.


Imagem: Divulgação - www.limpezasolar.com


Com objetivo de oferecermos um serviço de qualidade e com segurança, possuímos uma equipe devidamente capacitada dentro das NR10 e NR35, para realizar a lavagem dos módulos, onde o cliente não precisará ter a preocupação de como lavar ou até mesmo, correr o risco de subir no telhado, se for o caso.


Todos os produtos da limpezasolar.com é seguro para uso em seus painéis. Ele pode ser adquirido por meio do nosso site


Fonte: limpezasolar.com



0 visualização0 comentário